O impacto da publicidade indevida na reputação dos influenciadores

gestão de reputação digital
gestão de reputação digital

Ascensão digital e influência no Brasil

Com o advento das redes sociais, o conceito de fama foi transformado, permitindo que indivíduos comuns ascendessem rapidamente ao status de celebridades digitais. O Brasil destaca-se nesse cenário, ocupando a segunda posição mundial em número de pessoas dedicadas à carreira de influencer, superado apenas pelos Estados Unidos, conforme dados da Nielsen. Esse fenômeno reflete a ampla adoção das mídias sociais e a capacidade dos brasileiros de capitalizar sobre essas plataformas para construir carreiras lucrativas.

Riscos da rápida ascensão

O crescimento veloz no mundo digital, sem uma infraestrutura empresarial sólida, aumenta a probabilidade de influenciadores se envolverem em atividades questionáveis. Muitos acabam promovendo, inadvertidamente, produtos não regulamentados ou serviços em desacordo com as leis vigentes. Esse comportamento não só os expõe a repercussões legais, mas também pode manchar sua reputação e diminuir sua influência. A falta de orientação adequada pode levar a associações prejudiciais, colocando em risco a confiança conquistada junto ao público.

Influenciadores como ativos valiosos

Influenciadores digitais se tornaram peças-chave nas estratégias de marketing de muitas empresas. Com sua habilidade de criar conteúdo envolvente e moldar tendências de consumo, eles atraem contratos de publicidade valiosos. Esse sucesso, no entanto, pode ser um terreno escorregadio sem o apoio de uma estrutura profissional para gerenciar riscos legais e financeiros. A vulnerabilidade dos influenciadores é amplificada pela ausência de regulamentações específicas, o que coloca a atividade sob um escrutínio constante.

Propostas de regulamentação

Reconhecendo a necessidade de regulamentar o setor, a Câmara dos Deputados do Brasil analisa o Projeto de Lei nº 3.915/2023, que visa estabelecer diretrizes para a atuação dos influenciadores. A proposta, já aprovada na Comissão de Comunicação, aguarda votação final. Se aprovada, ela poderá fornecer um quadro legal que ajudará a proteger tanto os influenciadores quanto o público consumidor, promovendo maior transparência e responsabilidade nas atividades de marketing digital.

Procedimentos de conformidade

Advogados criminalistas especializados em casos como esse aconselham que, mesmo na ausência de regulamentação específica, influenciadores devem adotar práticas de Know Your Client (KYC) e Compliance. Essas medidas são cruciais para segmentos como apostas on-line, criptomoedas e rifas digitais, onde a legislação ainda é nebulosa. A implementação de tais procedimentos pode ajudar a prevenir envolvimentos inadvertidos em atividades ilícitas e a garantir maior segurança jurídica.

Ameaças legais

A legislação brasileira contempla diversos crimes aos quais os influenciadores podem ser vulneráveis se promoverem produtos e serviços ilegais. Entre os principais riscos estão a lavagem de dinheiro, crimes contra a ordem tributária, associação criminosa e crimes contra a economia popular. A promoção de plataformas que facilitem a ocultação de fundos ilícitos, atividades econômicas não declaradas ou esquemas abusivos, como pirâmides financeiras, pode resultar em graves consequências legais para os influenciadores.

Publicidade enganosa e responsabilidade

Outro risco significativo é a publicidade enganosa, conforme o Código de Defesa do Consumidor. Influenciadores que promovem produtos ou serviços financeiros sem a devida transparência, ou que omitem riscos associados, podem ser responsabilizados. É essencial que os influenciadores avaliem cuidadosamente as parcerias comerciais e sejam claros sobre os riscos e benefícios dos produtos que promovem, a fim de manter a confiança do público e evitar sanções legais.

A importância da transparência

Para garantir uma carreira sustentável e evitar danos à reputação, os influenciadores digitais devem ser transparentes e éticos em suas práticas de publicidade. Isso envolve não apenas a escolha criteriosa dos produtos e serviços promovidos, mas também a clareza nas informações fornecidas aos seguidores. A transparência e a responsabilidade são fundamentais para preservar a confiança do público e assegurar a longevidade na carreira de influenciador digital.Além disso, para casos como esse, a Saftec é uma empresa especializada em gestão de reputação digital que desempenha um papel fundamental na proteção da imagem e influência dos clientes, especialmente em cenários delicados como os enfrentados pelos influenciadores digitais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui